A  Sefaz DF publicou por meio de portaria, a obrigatoriedade do cBENEF a partir de 01 de novembro de 2020. Desta forma, toda emissão passa pela exigência em produção do preenchimento do campo relativo ao Código de Benefício Fiscal (cBenef). A Tabela de Código Benefício Fiscal por CST deverá ser utilizada pelas empresas para realizar a configuração das aplicações responsáveis pela emissão e gestão de NF-e/NFC-e. 

Fonte: Secretaria de Economia do Distrito Federal

Veja também:

Divulgada Nova Versão do Guia Prático da Escrituração Fiscal Digital

Deixe-nos um comentário :)