A cobrança dos pedágios é essencial para recuperação, ampliação e melhorias de qualidade das estradas do Brasil.

No entanto, nós sabemos a importância de traçar uma rota e calcular os custos de sua viagem com combustível, alimentação e pedágios.

Por isso, neste artigo você confere os ajustes de pedágio que ocorreram durante o mês de setembro.

Aumento de pedágio nas praças de pedágio da Rota 116 – RJ

Quatro praças de pedágio das estradas cariocas sofreram aumento nas tarifas no mês de setembro.

As praças da concessão da Rota 116, tiveram alteração na tarifa básica de R$ 6,00, para R$ 6,30, para os veículos de passeio.

O novo valor faz parte do reajuste anual, parte do contrato da concessionária, para dar andamento as melhorias nas estradas da concessão.

A mudança ocorreu nas praças:

Km 1,9 em Itaboraí

Km 48,8, em Cachoeiras de Macacu

Km 90,4 em Nova Friburgo

Km 122,3 em Cordeiro

Veja também:

Transformação digital na estrada: como a tecnologia melhorou a vida dos caminhoneiros

Reajustes nas Praças de pedágio na MG-050

Após prorrogar o reajuste por três meses, a concessionária AB Nascentes das Gerais realizou o reajuste em seis praças de pedágio do Sistema MG-050/BR-265/BR-491.

 O reajuste foi anual foi adiado, por meio de um acordo com a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra), por conta dos efeitos da pandemia da COVID-19 sobre a economia.

Prefeitura do Rio retome gestão da Linha Amarela

O presidente do STJ, ministro Humberto Martins, autorizou a Prefeitura do Rio a retomar a administração da Linha Amarela, que estava concedida à Lamsa.

A Prefeitura e a Lamsa disputam na Justiça o controle da Linha Amarela, que liga as zonas Norte e Oeste da cidade, desde 2018.

Com a decião, as cancelas do pedágio foram liberadas para a passagem dos veículos, mas a administração municipal informa que vai reduzir a tarifa, que estava em R$ 7,50.

A concessionária, no entanto, diz que vai recorrer.

Ecovia retoma valores normais de pedágio na BR-277

A Ecovia retomou seus valores normais, após reduzir temporariamente em 30%.

A concessionária administra o trecho Curitiba-Litoral da BR-277 e as PRs 508 e 407. A empresa atingiu a marca de R$ 100 milhões (mais a atualização pela SELIC) de descontos em favor dos usuários, conforme estabelecido no acordo de leniência firmado com o Ministério Público Federal.

Os valores das tarifas são: veículos de passeio = R$ 21,70; motocicletas = R$ 10,90; ônibus = R$ 21,70 por eixo; e caminhões = R$18,20 por eixo.

A Ecovia afirma que os valores já estavam autorizados anteriormente pela Portaria nº 485/19 e cumprem o artigo XIX, item cinco, do contrato de Concessão nº 076/97, que determina o reajuste anual das tarifas na Praça de Pedágio, localizada no km 60,5 da BR-277.

nddCargo Carregado de Vantagens

Agnes Samantha
Author

Analista de Comunicação

Deixe-nos um comentário :)