Se você está lendo este artigo é porque o celular, tablet, notebook ou computador foi, de alguma forma, transportado até a sua empresa.

No seu dia a dia, algum dos seus objetos pessoais passou por uma carga de caminhão em algum momento de sua jornada.  E é sobre este assunto, transporte de cargas, que vamos falar hoje!

Um estudo divulgado recentemente pela Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística (NTC & Logística) apontou uma queda de 45,17% no volume de cargas movimentadas, devido a pandemia do Covid-19. Para cargas fracionadas, aquelas que contêm pequenos volumes, a queda chegou a 47,58%, número que corresponde a entregas para pessoas físicas, distribuidores, lojas de rua e de shoppings, além de supermercados e outros estabelecimentos.

Mesmo com as quedas, as transportadoras e caminhoneiros não pararam, mas buscaram por maneiras de garantir a saúde e segurança de seus colaboradores.

Desta forma, pequenas ações que facilitem o trabalho, são essenciais. Como o fato de não precisar descer do caminhão para buscar por um banco e realizar pagamentos de forma presencial.

A tecnologia, mais uma vez, é aliada neste momento de crise. Através de soluções que oportunizam ao caminhoneiro planejar o pagamento, consultar saldos, extratos e fazer transferências, tudo de forma virtual. Como é o caso do nddCargo, aplicativo que ajuda o caminhoneiro na estrada e facilita o contato com a contratante.

Empresa de transporte e logística: saiba como fazer isso na prática

O nddCargo é um software da NDD, homologado para realizar as operações de pagamento eletrônico de frete, conforme determina as resoluções 5.862/2019 (CIOT) e 2.885 (Vale-Pedágio).

Essa solução atende principalmente as empresas de transporte e logística do Brasil. Oportunizando que os caminhoneiros recebam pagamentos de fretes e façam compras no débito em estabelecimentos de todo o país (sinalizados com a bandeira Visa), através do cartão nddCargo.

Permite também, o pagamento de pedágio em todas as praças do país. E o valor do cartão-pedágio pode ser carregado pela própria empresa.

A solução garante mais segurança na estrada, já que evita que os caminhoneiros carreguem grandes quantidades de dinheiro em espécie, durante a viagem.

Agnes Samantha
Author

Analista de Comunicação

Deixe-nos um comentário :)